Giro Ipiaú

Delegada de Aiquara comenta sobre investigações da morte de morador de Palmerinha

Assassinato de Darío causou forte comoção e revolta em Palmerinha.

A delegada de Aiquara, Wilma Caldas comentou a manifestação de moradores do distrito de Palmerinha que protestaram contra a violência e pedia prisão e justiça dos acusados de matar o jovem Marcos Darío Araújo, na última quarta-feira, 17. Segundo a delegada, as investigações estão em curso e não podem ser propagadas para não atrapalhar os trabalhos da equipe da Polícia Civil. Ainda conforme a delegada, na noite do crime, ela se deslocou com o escrivão para Palmerinha, mas a viatura acabou sofrendo um acidente com animais na pistas, próximo a Jitaúna. “Nós estamos investigando, mas não podemos dar publicidade, informando nomes, endereços e tudo mais”, comentou a delegada. Doutora Wilma Caldas ainda se solidarizou com o sofrimento da família de Darío. “A gente compreende muito bem a dor de uma mãe que perdeu o filho”. A delegada também informou que o caso está sendo acompanhado por uma equipe da 9ª COORPIN. Por conta do protesto de moradores de Palmerinha na manhã dessa terça-feira, 23, o trecho da BR-330, em frente ao distrito foi interditado nos dois sentidos entre às 07h e 09h. Darío foi morto por quatro indivíduos desconhecidos que chegaram no distrito a pé e por motivo ainda desconhecido, matou o jovem. A vítima ainda chegou a ser socorrida até uma unidade hospitalar, mas não resistiu. (Giro Ipiaú)


Curta e Compartilhe.

Deixe um Cometário


Leia Também

Scroll Up