Giro Ipiaú

‘Nunca vi uma pessoa tão fria’, diz delegado sobre homem que esquartejou esposa

Foto: Reprodução

O homem que foi preso por matar e esquartejar a esposa no Natal, dia 25 de dezembro, segue detido no Conjunto Penal de Vitória da Conquista, sudoeste da Bahia, nesta quarta-feira (5). O crime aconteceu na zona leste da cidade de São Paulo.

De acordo com o delegado Gustavo Tortorelli, que acompanha o caso na Bahia, ainda não há uma previsão de quando Assuero Severo dos Santos, de 40 anos, será encaminhado para o estado paulista, porque a Polícia Civil de São Paulo ainda não agendou a transferência.

Homem usou mala para esconder corpo

A vítima, Cláudia Almeida dos Santos, de 38 anos, foi morta a facadas. Depois de esfaquear a esposa, Assuero esquartejou a vítima e colocou os pedaços do corpo em uma mala. As partes foram descartadas em duas áreas de mata na capital paulista, nas avenidas Calin Eied e Dr. Luís Ayres.

O criminoso e a vítima tinham 18 anos de casados e duas filhas. A menor delas, de 4 anos, presenciou o assassinato. A polícia detalhou que a principal suspeita é de que o feminicídio tenha sido cometido por ciúmes. Detalhes sobre a investigação e do depoimento de Assuero ainda não foram divulgados.

Câmeras de segurança flagraram o investigado andando na rua com os restos mortais da vítima, em uma bagagem de mão. Depois do crime, o investigado voltou para a Bahia, para a cidade de Tremedal, onde o casal nasceu.Ao chegar no município, ele procurou a delegacia, acompanhado de um advogado, se entregou e confessou ter matado a esposa.


Curta e Compartilhe.

Deixe um Cometário


Leia Também

Scroll Up