Giro Ipiaú

Simulado de Emergência da Atlantic Nickel alcança grande participação da comunidade

Foto: Giro Ipiaú

Na manhã da última sexta-feira, 6, a Atlantic Nickel realizou o primeiro simulado de rompimento da barragem de rejeitos de mineração da Mina Santa Rita. O evento em conjunto com a Defesa Civil do Estado da Bahia, envolveu órgãos públicos, unidades de segurança, e comunidades do entorno da mina, sobretudo aquelas estabelecidas à jusante do Rio das Contas.

Foto: Giro Ipiaú

Práticas corretas a serem adotadas durante a ocorrência de uma eventual emergência foram repassadas aos membros dessas comunidades que ficaram devidamente informadas em relação à segurança nos locais onde moram e também aos próprios funcionários da empresa. Na fase preparatória do simulado foram promovidas reuniões, visitas e capacitações com o intuito de cumprir as etapas de integração social.

Com a participação da Defesa Civil, Corpo de Bombeiros, Samu, Polícia Militar, Polícia Rodoviária Federal, Guarda Municipal, prefeituras e secretarias dos municípios envolvidos, o treinamento também exigiu a interdição temporária do trânsito de veículos em algumas vias, inclusive um trecho da Br-330. Esse procedimento de medida preventiva foi definido pelas autoridades públicas competentes.

A ação

Foto: Giro Ipiaú

Toda a ação do simulado teve duração de pouco mais de uma hora. Após a abertura do evento feita pelo Gerente Geral da Atlantic Ricardo Campos, e a explanação do Coordenador da Barragem, Wéverton Alonso, sobre os pontos de bloqueio e de encontro da comunidade, as sirenes soaram às 10h10.

Foto: Giro Ipiaú

Nesse momento as equipes de resposta se deslocaram para o pontos de encontro previamente estabelecidos, bloqueando os acessos e dando aos moradores das chamadas Zonas de Autossalvamento (ZAS), nas regiões rurais de Gongogi, Barra do Rocha, Itagibá e no distrito de Tapirama, todo suporte necessário. Os moradores que não residem nas áreas de ZAS permaneceram em suas residências durante todo exercício do simulado.

No centro o Major Rodolfo da Defesa Civil do Estado

A ação testou situações importantes, como a eficiência das sirenes e do sistema de alertas, monitoramento do tempo de deslocamento das pessoas até os pontos de encontro, prazo para evacuar toda a área e a clareza da comunicação feita através das placas de sinalização instaladas. Houve 89% de adesão da comunidade, índice considerado excelente! No primeiro semestre do próximo ano haverá o segundo simulado. Esse número é impressionante. Eu nunca participei de um simulado com uma adesão tão grande da população”, comentou o Major Rodolfo, representante da Defesa Civil do Estado.

Foto: Giro Ipiaú

A realização do simulado objetivou avaliar o desempenho do Plano de Ação de Emergência para Barragens de Mineração (PAEBM), em cumprimento à legislação nacional que regulamenta o setor, cujos requisitos foram cumpridos à risca pela Atlantic Nickel, que possui uma das barragens mais seguras do país, construída por meio de alteamento, no método a jusante.

A Barragem Santa Rita opera permanentemente dentro dos padrões de normalidade, sem qualquer alteração no nível de segurança, e é monitorada por equipes altamente especializadas. *GIRO/José Américo Castro, com informações da Ascom Atlantic Nickel


Curta e Compartilhe.

Deixe um Cometário


Leia Também