Giro Ipiaú

Terra registrou o dia mais rápido da história em junho; entenda

Planeta está girando cada vez mais rápido

Sabe aqueles dias em que você deseja que passem mais rápido? Eles estão acontecendo. 29 de junho foi registrado como o mais curto desde os anos 60, quando os cientistas começaram a medir a rotação do planeta.

O problema é a diferença ser tão pequena que se torna imperceptível para os humanos. No dia recordista, por exemplo, a diferença foi de apenas 1,59 milissegundos mais rápido que as habituais 24 horas. Só que esse fenômeno de dias mais curtos vem ocorrendo com mais frequência nos últimos tempos, segundo o jornal britânico The Guardian. Quase um mês depois, em 26 de julho, esse recorde quase foi quebrado, quando a Terra girou 1,5 milissegundos mais rápido.

Em 2020, foram 28 registros de dias mais rápidos nos últimos 50 anos, com um recorde em 19 de julho, quando o planeta foi 1,46 milissegundo mais rápido.

Para conter danos em relação às diferenças de horários, a União Internacional de Telecomunicações adicionou, em 2016, segundos bissextos ocasionais em junho ou dezembro, parando os relógios por um segundo para haver uma sincronia com o tempo da Terra. O primeiro segundo bissexto foi adicionado em 1972.


Curta e Compartilhe.

Deixe um Cometário


Leia Também